09/02/2018 QUANDO ALGUMA COISA É MELHOR DO QUE NADA

Sexta-feira, 9 de fevereiro de 2018

                                                                                                                                   

 

1Rs 11, 29-32; 12,19           Sl 81, 10-15          Mc 7, 31-37

                                                                                                                                                                   

 

QUANDO ALGUMA COISA É MELHOR DO QUE NADA

 

“Vou arrancar o reino das mãos de Salomão, e dar-te-ei dez tribos. Dentre todas as tribos de Israel, ficar-lhe-á ainda uma tribo." (1Rs 11, 31-32)

 

Salomão era a pessoa mais sábia que já havia vivido (1Rs 3,12). Ele provou a sua sabedoria excepcional ao resolver uma disputa entre duas prostitutas, cada uma das quais afirmava ser a mãe de um bebê. Quando Salomão estava prestes a cortar o bebê ao meio, a mulher que se ofereceu para desistir de seu bebê em favor da outra foi reconhecida como a verdadeira mãe (1Rs 3, 26-27). Ela preferiu perder o seu bebê a ficar com a metade do seu corpo.

 

Mais tarde, o reino de Salomão foi dividido (1Rs 11, 31). As pessoas argumentaram que ter parte do reino era melhor que não ter nada. Mas Jesus disse: "Todo reino dividido contra si mesmo será destruído, cairá uma casa sobre a outra" (Lc 11, 17).

 

O corpo de Cristo hoje está despedaçado. Temos um mundo dizimado por divisões étnicas e nacionais. Muitas das nossas igrejas, casamentos e famílias estão divididas, divorciadas, quebradas e despedaçadas. Mas são poucos os que estão alarmados com a fragmentação do nosso mundo. Muitos pensam que eles pelo menos têm algo. Mas a nossa desunião é apenas uma privação, ou uma destruição?

 

Oração: Pai, cura as nossas divisões através da intercessão da nossa Santíssima Mãe.

Promessa: "Ele fez tudo bem! Ele faz os surdos ouvirem e os mudos falarem." (Mc 7, 37)

Louvor: Maria e Filipe ofereceram-se para trabalharem com a preparação de noivos para o casamento na sua paróquia. Eles desejavam construir casamentos e famílias fortes e unidas no santo amor de Jesus e Maria.