12/01/2018 DIREÇÕES

Sexta-feira, 12 de janeiro de 2018         

 1Sm 8,4-7.10-22                               Sl 89,16-19                                          Mc 2,1-12

                                                                                DIREÇÕES

 “O povo, no entanto, recusou-se a atender a palavra de Samuel, e disse: Não! Teremos um rei.” (1Sm 8,19)

 Samuel foi um grande líder de Israel; no entanto, seus filhos não seguiram o seu exemplo (1Sm 8,5). Assim sendo, eles não teriam sido bons líderes para Israel. Então quem iria liderar Israel?

A resposta mais direta para esse problema teria sido os filhos de Samuel voltarem suas vidas para o Senhor. Mas os israelitas assumiram que os filhos de Samuel não se converteriam. Assim Israel decidiu instituir uma forma pagã de governo, um reino (1Sm 8,5).

 

Nós vivemos em uma cultura da morte onde milhões são destruídos através do aborto, da eutanásia, do racismo, da fome, e de outras grandes injustiças. Nós temos tentado negociar com essas catástrofes através da mudança de governo, da mídia, das instituições médicas, e de outros aspectos de nossa sociedade. Isso é certamente parte da vontade de Deus. No entanto, o caminho correto para a mudança da cultura da morte é entregar nossas vidas a Jesus e levar pais, incentivadores do aborto, e pessoal da área médica à conversão.

 

Se o seu casamento está em dificuldades, seu trabalho é intolerável, sua família está um caos, suas finanças estão atrapalhadas, e suas esperanças despedaçadas, a solução mais direta para suas dificuldades é nada mais nada menos do que a conversão para Cristo. Viva totalmente para Jesus. Convide outras pessoas a fazerem o mesmo.

 

Oração: Pai, que eu assuma que a Tua graça de salvação é suficiente (2Cor 12,9).

Promessa:Jesus, vendo a sua fé, disse ao paralítico: Filho, os teus pecados estão perdoados.” (Mc 2,5)

Louvor: Santa Margarida Bourgeoys (Canadá) recebeu o título de co-fundadora da Igreja do Canadá pregando para as jovens mulheres de Quebec.